16 de dezembro de 2020

COVID-19 - GOVERNO FEDERAL IRÁ COMPRAR CORONAVAC

0
Primeiras doses da vacina CoronaVac já chegaram a São Paulo. A expectativa é que o estado comece a vacinar contra a Covid-19 em 25 de janeiro de 2021 | Antonio Molina/Zimel Press / Agência O Globo

Um dos participantes da reunião com o Ministério da Saúde realizada hoje, o governador do Pará, Helder Barbalho, disse que o contrato que formaliza a compra da coronavac será assinado nesta semana pelo governo federal. A tratativa vai ser firmada com o Instituto Butantan, responsável pelo desenvolvimento do imunizante em parceria com o laboratório chinês Sinovac. O acordo prevê o fornecimento de 45 milhões de doses.

– Pazuello nos garantiu que recebeu o contrato ontem e disse que o governo assina o contrato ainda nessa semana para aquisição de 45 milhões de doses. Elas serão entregues até março pelo Instituto Butantan. – disse Barbalho, após a reunião.

Segundo o governador do Pará, consta no contrato uma cláusula que exige que a totalidade da oferta produzida pelo Instituto Butantan seja direcionada para o plano nacional de imunização, coordenado pelo governo federal. Barbalho afirmou que o valor da dose da vacina deve girar em torno de R$ 58. 

O governador do Piauí, Wellington Dias, também disse que uma cópia do contrato que será assinado com o Butantan foi apresentada na reunião.

– Foi apresentada a cópia do que será o contrato que prevê a compra e entrega de vacinas (coronavac) e a garantia de um cronograma – disse ele. Segundo esse calendário, a vacinação começaria em torno de 21 de janeiro. 

Mais cedo a coluna informou que o contrato foi encaminhado ontem pelo Instituto Butantan à pasta da Saúde, mas que nenhuma resposta havia sido dada. Procurado, o Instituto Butantan não se manifestou sobre o contrato e a cláusula de exclusividade.

Por Bela Megale16/12/2020 • 18:00
Author Image
AboutNSussuarana

Soratemplates is a blogger resources site is a provider of high quality blogger template with premium looking layout and robust design

Nenhum comentário: