14 de junho de 2020

ITAITUBA/PA - DECRETO 'LIBEROU' A POMBAGIRA EM VÁRIOS ITAITUBENSES

0
Acidentes de trânsito, denúncias de aglomerações, brigas, esfaqueamentos e até disparos de arma de fogo foram registrados.

Orla de Itaituba. (Reprodução)

O primeiro sábado após a flexibilização das medidas restritivas para a contenção do coronavírus em Itaituba, sudoeste do Pará, foi bastante movimentado e precisou de uma intensa atuação dos órgãos de Segurança e de Saúde do município.

A técnica em enfermagem, Andressa Silva, que atua no Serviço Móvel de Urgência (SAMU) e estava de plantão naquela noite de sábado, relatou ao Giro que a noite foi bastante agitada, com inúmeras ocorrências de acidentes envolvendo carros e motos, além de atendimentos médicos resultantes de agressão e esfaqueamentos.

Nenhuma descrição de foto disponível.

Dentre as diversas ocorrências policiais, destacam-se briga no bairro da Paz, com aglomeração de pessoas e uso de arma branca; dois esfaqueamentos foram registrados no residencial Wirland Freire, um deles envolvendo uma menor, que esfaqueou um homem, além de invasão de casa motivada por fim de relacionamento; no Jardim Aeroporto, o condutor de um carro usou uma arma de fogo para efetuar disparos; no bairro Bela Vista um homem foi espancado a pauladas.

As denúncias por perturbação do sossego alheio também foram muitas, principalmente por uso de som alto.

No Instagram, o perfil vacilocoviditb, recebeu diversas denúncias de aglomerações e de festinhas com muitas pessoas, e com todos os participantes sem qualquer máscara! Para essas irresponsáveis pessoas, o decreto municipal que flexibilizou as restrições, 'matou' o coronavírus. E haja festinhas!!
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, atividades ao ar livre, texto e natureza

"Todos os órgãos, Policia Militar, SAMU e Corpo de Bombeiros, trabalharam em conjunto, tentando atender todas as ocorrências, e buscando orientar também por telefone, situações que poderiam ser resolvidas em casa, a fim de diminuir o número de pessoas dentro das unidades de saúde." afirmou Andressa, do SAMU.

A maioria dos casos de aglomerações e perturbação do sossego, ocorreram em bairros mais periféricos.

Imagem: Facebook
"Muitos estão se achando 'heróis da imunidade', que não contraem doenças, seja ela COVID-19 ou outras comorbidades, e isso tem dificultado o trabalho de prevenção. Temos tido dificuldade em orientar adolescentes; alguns adultos também ainda têm se mostrado resistentes às orientações; e o que está acontecendo é o aumento de casos e do estresse nos profissionais de todas as áreas, seja nas clínicas, na UTI, na Unidade Básica de Saúde, na UPA, na Vigilância Epidemiológica. O esgotamento físico e psicológico tem chegado para todos." finalizou Andressa Silva. (Texto adaptado do Portal Giro)

Nota do Blog: O sentido aqui usado da pombagira, é um conceito errado, mas que comumente muito usado popularmente para designar uma pessoa irresponsável, doida-varrida, inconsequente. Mas a pombagira (ou pombajira) é uma entidade do candomblé e da umbanda, representada por uma mulher sensual, independente e dominadora, incorporada por um ou uma médium. Ela faz trabalhos espirituais que vão desde conselhos sobre problemas cotidianos até promessas de recuperar um amor. A pombagira surgiu no início do século 20, simbolizando uma mulher liberada da submissão e do recato impostos ao sexo feminino por uma sociedade machista e patriarcal. Para saber mais sobre o significado de tal entidade, click aqui.
Author Image
AboutNSussuarana

Soratemplates is a blogger resources site is a provider of high quality blogger template with premium looking layout and robust design

Nenhum comentário: