COVID-19 - PASTOR PILANTRA, WALDOMIRO SANTIAGO, É INVESTIGADO POR VENDA DE FEIJÃO A MIL REAIS

| Reprodução

O Procurador Wellington Saraiva, pediu ao Ministério Público de São Paulo que denuncie o líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, por suposta prática de estelionato, após o pastor Valdemiro Santiago ter sido acusado por internautas de vender sementes com a promessa de uma falsa cura ao coronavírus.

Em um vídeo publicado no Youtube nesta semana, Valdemiro aparece pedindo o “propósito de R$ 1 mil” pela compra da planta e garante o suposto benefício, além de exibir um suposto exame que comprovaria que uma pessoa teria se curado da Covid-19 após usar uma das sementes.

Ainda de acordo com o site, o procurador argumenta que, pelo vídeo, fica claro a comercialização da semente e por isso, o ato não se encaixa como prática religiosa, além disso, a planta já estava sendo comercializada na página oficial da Igreja Mundial. O MP-SP deve investigar o caso.

Este blog já tinha publicado o vídeo abaixo no Facebook acerca dessa aberração de tal pastor, que recebeu indignados protestos contra prática infame e enganadora.

Veja o vídeo:




Via Diarioonline

Postar um comentário

0 Comentários