21 de maio de 2021

CASO DANIELE - SUSPEITO MANDANTE DO CRIME, APRESENTA-SE À POLÍCIA E NEGA AUTORIA

0
Na tarde desta quinta-feira, 20, apresento-se na 19ª Seccional Urbana da Policia Civil de Itaituba, acompanhado de advogado, Valdimar Ferreira Duarte, alcunha, Valdo, de 50 anos, ex namorado de Alessandra Brás Barbosa, de 20 anos, que era companheira de Daniele Pinheiro da Silva, de 29 anos, assassinada na noite de domingo, 16, na 36ª Rua do Bairro Santo Antônio.

Segundo informações apuradas pelo blog do Junior Ribeiro, “Valdo”, como é mais conhecido, negou qualquer participação na morte de Daniele Pinheiro e afirmou que no dia do crime, domingo, 16, fez uma corrida por volta das 19 horas para o elemento André da Silva Ribeiro, de 21 anos, morador do km 05, até a 34ª Rua, próximo ao antigo campo Xavecão, e que, em seguida retornou para a frente da Chácara Lazer, onde estava em companhia da jovem Milene, irmã da Alessandra Brás Barbosa, sua ex namorada, com quem manteve relação amorosa por 08 meses, inclusive se encontrando com a ex, já quando ela já manorava Daniele.

Afirmou ainda o suspeito que durante a noite de domingo, 16, dia do crime, dormiu em sua casa, e que ficou sabendo do desaparecimento de Daniele, pela ex Alessandra, que teria sido informada pelo padrasto de Daniele, que teria relatado que enteada não tinha dormido em casa. “Valdo” relatou, ainda, que apenas fez uma orrida para André, pois trabalha como mototáxi clandestino. 
Após sua apresentação pelo advogado Dr. Flávio Albucar, o  suspeito prestou depoimento e, em seguida, liberado, pois estava fora do flagrante. O advogado do suspeito foi procurado pela reportagem do blog para falar sobre a suspeita que pesa sobre seu cliente, porém, disse que no momento não vai pronunciar-se sobre o caso.

Quanto ao ajudante de pedreiro e principal suspeito do assassinato, André da Silva Ribeiro, de 21 anos, preso nesta quarta-feira, 19, conta outra versão, inclusive acusando “Valdo” com riquezas de detalhes. 

A polícia chegou até André, após encontrar o celular de Daniele em posse de João Vitor Galvão Sousa, que disse ter comprado de um elemento identificado por Thiago, que teria tomado o celular de André, que antes já tinha oferecido para João no valor de 80 reais. André, foi preso nas proximidade de sua residência no bairro Jardim Aeroporto km 05, e confessou sua participação no crime.

O blog do Junior Ribeiro apurou que André, tem passagem na polícia por roubo e é usuário de droga; André aos policiais que conhece Valdimar Ferreira Duarte, por 'Valdo'; que sempre compra droga de 'Valdo'o mesmo, e que 'Valdo' trabalha de mototáxi para desfarçar a venda de entorpecente. André, relata que dias atrás 'Valdo' teria lhe pedido para furtar o celular de Daniele, e que pagaria o 'serviço' com droga; que ainda chegou a ser levado, por 'Valdo', na frente da casa de Daniele, mas que não aceitou a proposta. 

Porém, no domingo, 16, André teria ligado para 'Valdo', querendo duas 'paradas', no valor de 20 reais, pedido esse que foi atendido pelo mototaxista, ocasião em que 'Valdo' renovou a proposta para André abordar Daniele, mas que seria apenas para abordar, e dizer que o 'Valdo' queria falar com ela;  o seu pagamento seria de 20 'paradas' no valor de 20 reais cada. Acertados quanto ao valor do 'serviço', André e 'Valdo' teriam descido juntos, e André ficado esperando Daniele no local, embaixo de uma mangueira, às proximidades donde o corpo foi encontrado. Já seu comparsa 'Valdo', estava monitorando a chegada de Daniele de frente da chácara lazer, sendo que por volta da 20h30min Daniele apareceu e foi interpelada por André, argumentando o assassino que 'Valdo' queria falar com ela. Logo em seguida 'Valdo' chegou, segurando Daniele por trás, dando-lhe um 'mata leão'; a vítima ainda tentou reagir, debatendo-se e gritando, mas logo foi contida pela dupla assassina. André relata que ele teria carregado Daniele pelas pernas e 'Valdo', pelos braços e a levaram para os fundos do terreno. André afirma que deixou os dois no local, 'Valdo' e Daniele, já esta provavelmente sem vida e ficou na frente do terreno à espera de seu comparsa, do qual recebeu a bolsa, o celular e a bicicleta, orientando 'Valdo' para André ir para sua casa, e tirar o chip do celular, que depois ele iria procurá-lo. 

André, na manhã de segunda feira, 17, retornou ao local do crime e viu que Daniele estava morta, e teria ligado para 'Valdo', para dizer que a mulher estava morta, e teria sido ameaçado pelo mototaxista, que teria dito que não iria dar em nada, e que era para ele ficar calado, se não poderia acontecer o mesmo com André. Indagado sobre o fato dos olhos terem sido arrancados, a língua e dedos de Daniele que teriam sido cortados, André disse não ter visto nada sobre esses fatos.

Após depoimento de 'Valdo', a POlícia Civil de Itaituba abriu um inquérito policial para apurar a morte de Daniele; o delegado responsável pelas investigações deverá pedir a prisão do suposto mandante do crime.

André confessou sua participação no crime, inclusive afirmando que ficou com os pertences da vítima, tendo vendido a bicicleta por 100 reais, e teve o celular tomado à força; afirma categorimente recebeu droga como pagamento para participar do crime e deverá ser encaminhado para o presídio de Itaituba. André acusa 'Valdo' de planejar todo o crime, porém, 'Valdo' nega tudo.

Quanto a João Vitor, com quem foi encontrado o celular de Daniele, este disse que comprou o aparelho de Thiago, que tomou à força de André, foi colhido seu depoimento e, após pagar fiança de dois salários mínimos (R$2.200,00) foi posto em liberdade, mas vai responder por receptação de roubo. Ou seja, além de ter pago caro por um celular roubado, ainda vai responder a um processo.

Todos os pertences da vítima foram recuperados pelos policiais e deverão ser entregue a família. A operação foi realizada pela Policia Civil com apoio do Serviço Regional de Inteligência do CPR-X.

Matéria adaptada do blog do Junior Ribeiro
Author Image
AboutNSussuarana

Soratemplates is a blogger resources site is a provider of high quality blogger template with premium looking layout and robust design

Nenhum comentário: