13 de outubro de 2020

ITAITUBA/PA - PROTESTO CONTRA FECHAMENTO DO HOSPITAL REGIONAL TEM CUNHO POLITIQUEIRO, AFIRMA VEREADOR

0
Ato aconteceu na manhã desta terça-feira (13), em frente a unidade hospitalar; direção do Hospital diz que não vai fechar as portas e já está atendendo pacientes com outras patologias.

Manifestação em frente ao Hospital Regional do Tapajós
 (Foto: Rubson Vieira/Giro Portal)

Na manhã desta terça-feira (13), um pequeno grupo de manifestantes se reuniu em frente ao Hospital Regional do Tapajós-HRT, em Itaituba, sudoeste do Pará, para protestar contra o fechamento da unidade hospitalar e relatar o mal funcionamento do HRT.

Esta não é a primeira vez que polêmicas envolvem o Hospital Regional do Tapajós e que bem antes de sua inauguração, os itaiubenses vêm realizando manifestações consecutivas, quer seja para cobrar inauguração ou o funcionamento pleno do Regional, que se estendeu por cerca de quase dois meses. Além disso, houve protesto pelas contradições no processo seletivo para contratação de pessoas e por fim, o atraso salarial dos funcionários.

Manifestantes realizaram um ato de protesto contra o fechamento do HRT
Foto: Rubson Vieira/Portal Giro

No último dia 9, nas redes sociais, correu informações que o contrato entre o Instituto Panamericano de Gestão (IPG), que administra unidade hospitalar, e o Governo do Estado, iria encerrar nos próximos dias e possivelmente ocorreria o fechamento do hospital. A população não recebeu essa notícia com bons olhos e organizou o protesto, que ocorreu com um número reduzido de pessoas.

Manifestantes em protesto (Foto: Rubson Vieira/Portal Giro)

"A gente vem lutando há um tempo; sempre ouvindo não e não. Esse povo precisa desse hospital. Não podemos nos calar e o nosso grito vai, sim, chegar até a Justiça, e vamos conseguir alcançar sucesso do que lutamos" comentou a empresária Madalena Costa.

O doutor Edson Porto, Juiz da Justiça Federal, e que também estava presente na manifestação, afirmou que o Hospital Regional do Tapajós não irá fechar e que a população pode ficar despreocupada em relação a isso.

Contraponto

Em nota, a direção do Hospital Regional do Tapajós (HRT), disse que está empenhada em resolver o mais rápido possível os atrasos de salários dos colaboradores e, sobre os boatos do possível fechamento da Unidade, a direção disse ser inverídicos; afirmou ainda que está esperando repasse de verbas para pagar os salários atrasados e que se compromete em honra todos os compromissos.

Ainda conforme a nota, o Hospital está preparado para receber pacientes de qualquer região do Estado do Pará que necessitem de atendimentos, sendo que essas internações são realizadas via regulação estadual, ou seja, através de encaminhamento de outras unidades de saúde do estado.

Entretanto, apesar de dizer que vai se empenhar para honrar tais compromisso, o IPG teve valores bloqueados pela Justiça estadual em Santarém por conta de atraso no pagamento de salários de seus funcionários do Hospital de Campanha. Assim, é rezar para que o IPG cumpra com sua promessa! 

POLITICAGEM

Diante das informações acerca do fechamento do HRT, os debates foram acalorados na Câmara Municipal de Itaituba na sessão de hoje, 13, sendo que o vereador Junior Pires, conforme relatos do Jornalista Jota Parente, em aparte ao vereador Davi Salomão, conforme nota abaixo, afirmou que Salomão estava tirando dividendos politiqueiros de momento inoportuno, bem como jogando a população contra os demais vereadores.


Tem razão o vereador Junior Pires em suas críticas, pois apesar de ser um problema grave, Salomão sempre procurou aparecer sozinho nesta questão do HRT, mas nunca tomou atitude de requerer que a Câmara Municipal oficiasse solicitando das autoridades estaduais resolução para o problema do HRT. Inclusive quanto aos salários atrasados dos funcionários do hospital, foi o vereador Luis Fernando Sadeck quem alertou sobre tais atrasos, bem como fez severas denúncias na imprensa local sobre os atrasos salariais. Porém, na página do Facebook de Davi Salomão, não consta sequer uma nota de repúdio ao Instituto Panamericano de Gestão-IPG pelos salários atrasados, bem como nota de solidariedade aos funcinários lesados pelo IPG, que administra o HRT.


Porém, diferentemente de Davi Salomão, o vereador Junior Pires solicitou que a Câmara de Vereadores itaitubense enviasse ofício a diversos órgãos e entidades, inclusive ao governador Hélder, para que se manifestem o mais rápido possível sobre a delicada situação do HRT.


Quem também se manifestou, cobrando do governador Hélder uma solução para o HRT, foi o prefeito Valmir Climaco (MDB), afirmando Valmir que o HRT não vai fechar, conforme palavras do governador Hélder.

Será que foi por causa do uso politiqueiro do movimento que deu tão pouca gente?

Matéria adaptada do Giro Portal
Author Image
AboutNSussuarana

Soratemplates is a blogger resources site is a provider of high quality blogger template with premium looking layout and robust design

Nenhum comentário: