2 de julho de 2020

BRASIL - BOLSONARO USA IMAGENS FAKES PARA 'FALAR' COM POVO BRASILEIRO

0
Nova campanha lançada pela Secretaria de Comunicação, “Alô, Presidente“, apresenta áudios de brasileiros sobre as obras realizadas pelo governo federal no Nordeste

Foto : Reprodução


Por Luciana Freire

Após a vergonhosa nomeação do ministro 'doutor' Dicotelli pelo governo Bolsonaro, ministro que nem chegou a ser ministro, Bolsonaro volta a passar vergonha, agora, pessoalmente, através de sua nova campanha lançada pela Secretaria de Comunicação-SECOM, “Alô, Presidente“, pois utiliza fotos de bancos de imagem da internet como se fossem brasileiros falando com o presidente Jair Bolsonaro. A conversa da campanha é sobre as obras realizadas pelo governo federal no Nordeste.

A foto da dita Dona Maria Eulina, que no áudio se diz moradora de Penaforte (Ceará), pode ser encontrada em diferentes bancos de imagem, como Dreams Time e iStock.

Em outro áudio do "Alô, Presidente", um homem nomeado como Francisco Valmar, que seria do Rio Grande do Norte, pergunta a Bolsonaro sobre transporte. O presidente responde que em breve seria inaugurada uma estação de VLT no estado. A foto que seria de Valmar consta do banco de imagens ShutterStock, e pode ser encontrada no serviço por quem digita "retrato de trabalhador na fábrica no fundo".  
Após a repercussão negativa do "Alô, Presidente", a Secom retirou do ar a campanha com imagens fakes, pois as imagens não são de brasileiros,  e fica a dúvida também sobre o conteúdo dos áudios e sobre quem teria gravado as mensagens se passando pelos personagens.

A Secretaria de Comunicação, contudo, divulgou uma nota em que afirma que o vídeo “trata-se de uma peça piloto inacabada que não deverá ser veiculada, não possuindo caráter oficial”. “De todo modo, a fim de sanar qualquer tipo de distorção dos fatos, o vídeo foi retirado do ar. Esta também foi a justificativa da Secom quando circulou o vídeo da campanha "O Brasil não pode parar".

Intitulada “Alô Presidente”, a campanha publicitária tem mesmo nome de uma propaganda de Hugo Chávez, que transmitia suas políticas de governo na Venezuela em 1999 por meio de programa homônimo. 

Leia a íntegra da nota da Secom:

“NOTA

O vídeo publicado no dia de hoje, 1° de julho, nas redes sociais pessoais do presidente Jair Bolsonaro, trata-se de uma peça piloto inacabada que não deverá ser veiculada, não possuindo, portanto, caráter oficial. De todo modo, a fim de sanar qualquer tipo de distorção dos fatos, o vídeo foi retirado do ar.

Secretaria Especial de Comunicação Social”

(Guilherme Amado e Eduardo Barretto)

Fontes: 

Author Image
AboutNSussuarana

Soratemplates is a blogger resources site is a provider of high quality blogger template with premium looking layout and robust design

Nenhum comentário: